Será mesmo que uma fanpage substitui o site da empresa?

O marketing digital gera perguntas com respostas variadas. Essa falta de consenso causa um pouco de confusão naqueles que desejam construir uma estratégia. O inegável poder do Facebook fez surgir uma dúvida pertinente: uma fanpage substitui o site da empresa? A indagação parece lógica, pois a rede social tem uma audiência incomparável e muitas companhias acumulam milhares de fãs.

No artigo de hoje, vamos explicar por que a ideia de que uma fanpage substitui o site da empresa está incorreta. A convivência harmoniosa entre esses dois canais é a melhor estratégia para qualquer empresa que busca maior alcance na web, ambiente mais concorrido que existe.

Site é a cara e o coração da empresa na internet

Por mais representatividade que o Facebook tenha, uma fanpage nunca vai ser como um site corporativo. O site – nesse caso – é o próprio Facebook, que oferece um espaço às empresas com intenção de se aproximar das pessoas que estão na rede social.

Por outro lado, um site próprio dá credibilidade à empresa diante do mercado e de possíveis clientes. Imagine que você pensa em contratar os serviços de uma empresa e descobre que ela não tem um site oficial. O impacto é maior do que se imagina. É por meio de seu site que qualquer companhia se apresenta ao mundo.

Essa importância também se traduz no valor que o Google dá a um site bem construído. O principal buscador privilegia em suas buscas as empresas que têm sites pensados do ponto de vista do SEO (Search Engine Optimization). Em outras palavras, abrir mão do site é desprezar a significativa ajuda que o Google pode dar na identificação da sua empresa por potenciais clientes.

Outra vantagem técnica do site é a maior liberdade que ele dá em termos de programação. Os líderes da empresa têm total autonomia para determinar os conteúdos a serem destacados na página. Já em uma fanpage, é preciso respeitar as limitações de espaço que o Facebook impõe.

Fanpage deve funcionar como assistente

Embora não tenha condições técnicas para substituir um site corporativo, a fanpage no Facebook é valiosa dentro de uma estratégia de conteúdo. Por meio desse canal, você pode divulgar conteúdos publicados no blog da empresa e potencializar seu alcance.

A lógica de dar maior alcance aos conteúdos do blog vale também para perfis em outras redes sociais como Twitter e Instagram. Estar presente em diferentes canais garante maior capilaridade à sua empresa no ambiente digital e ajuda a propagar o conteúdo publicado no site. A fanpage no Facebook tem uma vantagem adicional de conversão, pois as abas podem ser utilizadas para direcionar os visitantes a materiais ricos da empresa.

O marketing digital dispõe de uma série de ferramentas e canais poderosos. Pensar se uma fanpage substitui o site da empresa não faz tanto sentido se pensarmos que ambos podem atuar de forma cooperada. Com mais canais, sua empresa consegue falar para mais pessoas e, lá na frente, poderá obter muito mais clientes. E o tal marketing de conteúdo? Será que ele é uma boa ideia para sua empresa? Descubra agora mesmo.

2018-05-09T14:45:34+00:0009/05/2018|Tags: , |